Se o dízimo fosse apenas uma campanha financeira, com vistas a arrecadar dinheiro, não teria sentido e nem deveria existir. Por intermédio do dízimo, o cristão reconhece que deve retribuir a Deus uma parte dos bens que recebeu do próprio Deus. DÍZIMO É ATO DE GRATIDÃO A DEUS.

Por que, para algumas pessoas, é tão difícil oferecer o dízimo? Vivemos numa sociedade em que o dinheiro e o lucro ocupam o lugar de Deus e das pessoas. Jesus Cristo nos adverte que é impossível servir a dois senhores, adorando ao mesmo tempo a Deus e ao Dinheiro (Lc 16,13). Mesmo assim, há cristãos que seguem a proposta do mundo.

A sociedade materialista e consumista em que vivemos nos ensina a reter, concentrar, possuir, ter, ganhar. Consumir. Acumular. Somos incentivados a ter corações egoístas e fechados. O Evangelho, ao contrário, nos ensina que só quem é generoso e não tem medo de repartir o que possui está, de fato, aberto para acolher os benefícios de Deus. São dois projetos bem diferentes: a sociedade consumista e egoísta ou o reino da partilha e da justiça. É preciso fazer uma escolha entre o reino de Deus e o reino do dinheiro.

DÍZIMO NÃO É TAXA, porque Igreja não é um clube.
DÍZIMO NÃO É IMPOSTO, porque a Igreja não é uma sociedade qualquer.
DÍZIMO NÃO É PAGAMENTO ANTECIPADO POR SERVIÇOS que, depois, se poderia cobrar da Igreja, como se o dizimista tivesse direito a serviços especiais.
DÍZIMO NÃO SE PAGA, DÍZIMO SE OFERECE.
DÍZIMO NÃO SE COBRA, DÍZIMO SE RECEBE.
DÍZIMO É OFERTA DE GRATIDÃO A DEUS E DE PARTILHA COM A COMUNIDADE.

A opção pelo dízimo é como uma colheita: nós devemos acreditar; Deus é fonte de toda a criação e de tudo o que Deus Pai realiza nas pessoas e no mundo; Ele o faz por meio de Jesus Cristo.

O dízimo é como uma semente. Nela temos a garantia e segurança de que produzirá frutos. “Quem semeia com abundância, com abundância colhe” (2Cor 9,6).

Se você já fez a experiência do dízimo, PARABÉNS! Persevere sempre...
Se ainda não é dizimista, NÃO TENHA MEDO! Faça a experiência e verá a promessa de Deus se cumprir na sua vida (Malaquias 3,10-12).

Pastoral do dízimo

Pastoral do Dízimo 

  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show

Eventos 

Login